Skip to content

Natação

No século XIX a natação tornou-se um esporte. Alguns acontecimentos históricos marcaram a modalidade, um deles foi a travessia do Canal da Mancha de um soldado de Napoleão Bonaparte. Logo a primeira competição oficial foi realizada na Austrália, no ano de 1858, espalhando posteriormente para Inglaterra e Estados Unidos.

Entrou para as Olimpíadas na primeira edição da Era Moderna, em 1896 na cidade de Atenas. Doze anos depois, era fundada a Federação Internacional da Natação, que hoje regulamenta simultaneamente outras modalidades aquáticas, como o nado sincronizado, polo aquático e os saltos ornamentais.

A primeira competição de natação em terras brasileiras aconteceu em 1898, os atletas nadaram uma distância de 1500 metros entre a Fortaleza de Villegaignon e a praia de Santa Luzia, localizada no Rio de Janeiro. O Brasil participou dos Jogos Olímpicos de Antuérpia 1920.

As disputas aconteceram no mar até por volta da década de 30, quando mudou-se para as piscinas em ambientes fechados. No mesmo período em que inseriram a categoria feminina em torneios mundiais, no ano de 1935.

O programa de natação Olímpico define que as provas devem seguir as seguintes metragens e nados:  

  • Livre – 50m, 100m, 200m 400m, 800m 1.500m; 
  • Revezamento – 4x100m e 4x200m;  
  • Costas – 50m, 100m, 200m; 
  • Peito – 50m, 100m, 200m 
  • Borboleta – 50m, 100m, 200m;  
  • Medley – 200m e 400m; 
  • Medley misto – 4x100m.  

No ano de 2019, o Brasil sediou, pela primeira vez, um Mundial Escolar de Natação. A competição aconteceu no Rio de Janeiro, nas águas históricas do Parque Aquático Maria Lenk.

Modalidades Oficiais


plugins premium WordPress